sexta-feira, setembro 11, 2009

# Porto Positivo/Negativo # Caos

CAOS na versão urbana... o Porto só de alguns, o Porto só para alguns! Carro na cidade é: tesão da soberba, posse, território ocupado, colonato temporário de volumetria automóvel, extensão do falo ou ignorância na consciência dos limites que vão para além da liberdade pessoal, antítese do conceito de cidadania. De cada vez que um automóvel invade o espaço público da urbe, sem que haja necessidade, a esse mesmo acto corresponde uma enunciação pictórica equivalente a uma “Natureza em Coma”, pintada com o pés...no pedal! Transporte público ‘para esses alguns’ é sinónimo de estigma, despromoção social, estar acondicionado com outros, sem ar condicionado, condicionado pelo ar dos outros...sentir vergonha do estatuto de passageiro, daquilo que para eles constitui uma forma inferior de mobilidade. Se questionarmos um brasileiro sobre o que é para ele o CAOS resultante do excesso de automóveis numa cidade, dirá exactamente com as mesmas letras que constituem a palavra: “É um SACO!”, nem menos.

João Fernando Arezes

#PP_CAOS_04A

#PP_CAOS_04B

#PP_CAOS_05A

#PP_CAOS_05B

#PP_CAOS_06A

#PP_CAOS_06B

#PP_CAOS_09A

#PP_CAOS_09B

#PP_CAOS_03A~

#PP_CAOS_03B

#PP_CAOS_02A

#PP_CAOS_02B

4 comentários:

Carla de Elsinore disse...

Olá o Johnny, boa parceria.

Parabéns, Paulinho. Eu já estou mais fora que dentro.

b&a

c.

dactilografo disse...

brilhante.
e, já agora, acrescentar como referência aquele personagem do filme da julie delpy - o pai dela - que riscava todos os carros que se lhe atravessavam enquanto circulava por algum passeio.

Joana disse...

Boa, Pimenta. Este teu trabalho é serviço público :)

UdL disse...

Trabalho fantástico!