segunda-feira, janeiro 14, 2008

# KISS ME #

























Ou isso ou escreves vinte vezes no espelho embaciado “não atiro o chapéu pela janela”.
Quando chegaste gritaste um beijo cinematográfico. Tiraste a roupa enquanto esgadunhavas pedaços de papel de parede. Deixaste-o pousado na cabeça. Eu não contrariei. Encostei-me naquela esquina.
Fica-te bem. É a tua peça de amazona.
Nunca me lembro se estavas de frente ou de costas. Sei que vejo invariavelmente três quartos dos teus lábios e um contorno.
O teu corpo rolou descontrolado no papel pelo menos vinte vezes.

Luís Octávio Costa

Um comentário:

GrrrGirl disse...

Verdadeiramente belo.